REGRAS BÁSICAS PARA QUEM ABRE UMA EMPRESA

06 de fevereiro de 2021
QUAL A REGRA BÁSICA PARA QUEM ABRE UMA EMPRESA?

Sempre ouvimos falar que empreender no Brasil é muito difícil, pois de fato não é tarefa fácil.

Existe uma pesquisa no Sebrae e devem existir inúmeras outras que mostram os motivos pelos quais as empresas "quebram" em menos de 5 anos.

O principal motivo é a falta de planejamento. Se o objetivo do negócio é ter lucro, logo, a regra básica ao abrir uma empresa é pensar em qual será o valor necessário de faturamento para alcançar determinado lucro e o que fazer para se manter nesse nível.

PRECISO MESMO PLANEJAR?

Alguns consideram a palavra planejamento um palavrão e ainda dizem: “a eu já sei tudo de cabeça do que minha empresa precisa”.

Mas será que sabe mesmo? Talvez se soubesse esse empresário não pensaria que NÃO tem dinheiro para pagar os impostos.

É muito comum o empresário considerar não ter grana para pagar os custos tributários, mas pense o seguinte, se a empresa vendeu, provavelmente ela recebeu. Se recebeu, porque não tem dinheiro para pagar os impostos? Simplesmente por falta do planejamento.

Formar preço de venda é complexo dependendo da atividade, mas o empresário precisa entender que ao vender uma mercadoria, terá que reservar parte da receita para cobrir o custo do produto.

O QUE É CUSTO?
Custo é todo gasto aplicado na elaboração de um produto. O planejamento pode começar por aqui e pode ser feito no papel.

Eu como contadora vejo que de falta o custo tributário é alto, mas ao analisar todos os gastos de uma empresa, nem sempre o maior custo é o imposto.

Tem empresas que que possuem custo com juros muito mais elevado do que propriamente o imposto sobre o faturamento.

COMO COMEÇAR A PLANEJAR?

O primeiro passo é responder em um papel às seguintes perguntas:
  • Quanto custa a mercadoria que quero vender?
  • Quanto custa vender a mercadoria? Frete? Impostos? Embalagens?
  • Quanto eu tenho disponível para cobrir os custos até receber dos clientes?
  • Quanto do lucro vou reservar para reinvestir no negócio?
  • Quem vai querer comprar meu produto?
  • Onde está o meu cliente potencial?
COMO COLOCAR O PLANO EM AÇÃO?

Quando o empresário tem as respostas pra essas questões, ele percebe se sua ideia é viável ou se deve ser reformulada.

Se o negócio for viável, o próximo passo será responde o que e como fazer.

Por exemplo:
  • O que comprar de mercadoria?
  • Como comprar? À vista? À prazo?
  • Como encontrar o cliente potencial?

E DEPOIS DO PLANO EM AÇÃO?

Destaca-se que, o dono da empresa sempre deve acompanhar o planejamento com o objetivo de verificar se as ações estão acontecendo conforme o planejado.

Quando a empresa alcança resultados positivos, é interessante criar processos internos para manter o padrão.

Mas se for negativo, recomenda-se ajustar o planejamento.

Se tiver dúvidas, entre em contato!

Será um prazer ajudá-lo.



 
 
 
compartilhe esse post
COPYRIGHT 2020 - IOLENE A. SEIBEL ME - Política de Privacidade
Design by: